FC Porto 0 vs. 2 Dynamo – Um ponto de viragem

Imbicto leitor,

Continuo sem saber bem o que escrever. Sinto-me frustrado por ter apoiado tanto este treinador para que ele, nos momentos-chave, se saia com a fava que toda a gente sabe que anda pelo meio do bolo-rei, mas que ninguém espera. Ontem, foi um dia de retorno.

Não retiro uma vírgula a tudo aquilo que tenho dito sobre este FC Porto e Lopetegui. Mantenho que é um estilo de jogo pretendido bastante interessante, mas que teima em esbarrar na teimosia do treinador, sempre nas piores alturas.

Ontem, não foram as famosas gralhas defensivas a causa; foi mesmo o treinador. O treinador e a forma inqualificável com que alguns jogadores desistem a meio do jogo (alguns até mesmo antes do jogo começar). Podem culpar o Imbula, o Casillas, o sr. Car(b)allo… Todos foram a causa, tendo Lopetegui como o homem do leme pelas piores razões.

Vou esperar, apenas, pelo jogo em Londres. Se costumais andar por aqui, sabeis do receio que sempre tive, desde o início, de que isto pudesse acontece. Encarar o Dynamo como um “fidalgo arruinado” do futebol europeu dá nisto – o Dynamo, ou até os BATEs e APOEis. O choque europeu com o que aconteceu ontem d+a conta disso mesmo.

Houve pouca seriedade, pouca chama, pouco foco, pouco amor à causa. E agora vem o Chelsea, a recuperar, a precisar de passar como quem precisa de pão para a boca (nem que seja a de Mourinho e a pele de Abramovich). Não vou passar já um atestado de insuportabilidade a um treinador que sempre apoiei, contra grande parte dos adeptos, mesmo tendo a estatística do meu lado, mas o precipício está a um passo apenas do não retorno.

Ontem, o assobio fez sentido em muito tempo. Mas a verdade é que depois do golo do Dynamo, também não houve lá muito apoio. Isso e os tradicionais “desertores-do-quarto-de-hora-antes”… Os portistas não estão, declaradamente, com Lopetegui. E isso tem muita força. Acaba por valer e reflectir, mais tarde ou mais cedo, por muita teimosia, ou protecção da SAD (que este ano começa a estar novamente inqualificável em algumas atitudes).

Não entendi a ausência do André. Não entendi a saída do Maximiliano, cujo argumento plausível é abafado pelas declarações incompreensíveis do treinador. Não entendi Casillas, mas também não o vou massacrar. Não entendi nada. Não entendi Osvaldo. Não entendo a falta de apostas em Bueno, ou a marialvice dos corredores laterais.

Não há muito mais a dizer. Há uma revolta grande por ter de ser obrigado a dar razão a muitos. Talvez não tenha visto o óbvio. Talvez a vontade de o mandar embora tenha mesmo muita força… Não sei… Mas houve sempre dois factos indesmentíveis: o sistema de jogo com cultura de clube regressou, mas as falhas foram sempre no pior momento; na hora “H”.

Ouvi dizer que há malta que vai embora em Janeiro. Se for quem se diz, francamente, da forma como está, estar e não estar é pouco mais que igual.

E para colocar a cereja no topo, isto é fatal, depois disto e depois de uma reacção de Lopetegui pouco compreensível, nas declarações de final de jogo, onde os jogadores começam a dizer os chavões disparatados da praxe, como: “nada está perdido”, ou: “vamos a Londres para ganhar”, quando acabam de sair de um jogo destes…

Enfim… Não consigo dizer mais nada. É morrer na praia. Da forma mais cruel possível: a da culpa própria.

Nada está perdido para o clube, ainda. Excepto o treinador…

 

Imbicto abraço!

 

Anúncios

9 thoughts on “FC Porto 0 vs. 2 Dynamo – Um ponto de viragem

  1. É verdade caro Imbicto. Eu também o defendi sempre, mas aos poucos fui perdendo a fé nele, e depois de ontem atingi um ponto sem retorno. Estou descrente. Mais que a derrota de ontem, assusta-me o facto de JL poder ter perdido o balneário. Aquela substituição de Maxi, o deixar André André no banco variadíssimas vezes quando ele é o motor da equipa, o insistir num Brahimi que só faz figura de corpo presente, deixando no banco se calhar quem queira trabalhar e lutar, insistir num Imbulla (sei que não vez nele algo que eu ainda não vi) que nada faz, trazendo cada vez mais à memória Ádrian Lopez. Tudo isto são fatores que levam a cisões no balneário.
    Espero estar errado caro amigo, mas o jogo de ontem trouxe algo mais que uma simples derrota.
    Grande abraço

    Pedro sousa

    Liked by 1 person

    1. Imbicto Pedro,

      Fiquei com essa mesma sensação. Creio que pode muito bem estar um monstro atrás da porta à espera que a fechem.
      Não há nada, neste momento, que salve Lopetegui. Um empate que seja nas competições internas, ou a saída da Champions são destino traçado.
      É teimosia a mais em trabalho muito interessante e auto-destruído como se fosse um castelo na areia. E pior, é não reconhecer ostensivamente o erro.

      Imbicto abraço

      Liked by 1 person

    2. onde se lê “insistir num Imbulla (sei que não vez nele algo que eu ainda não vi)” deves ler (insistir num Imbulla (sei que vez nele algo que eu ainda não vi)

      Abraço!

      Gostar

  2. Já aqui comentei há cerca de um mês e nessa altura disse que nunca fui grande fã de Lopetegui. A SAD entendeu que devia permanecer. Muito bem. Enquanto adepto dei-lhe uma segunda oportunidade. Quer no futebol como na vida acredito em 2as oportunidades. Mas, e quase em metade da época, o balanço, é para mim, negativo. Lopetegui não aprende. Lopetegui comete sempre os mesmos erros. Não melhorou em aspecto nenhum. É um treinador limitado em termos tácticos e pobre como gestor de recursos humanos. É ainda alguém com uma inaptidão total para entender a componente psicológica de uma equipa. Basta ver o comportamento do porto nas horas decisivas – é… cliché… é – mas também é a verdade! E depois, ainda por cima, tudo é amplificado pela sua atroz teimosia em sistematicamente tentar a mesma coisa e esperar resultados diferentes. Nunca um treinador com tanto, tão pouco fez. Por mim se Andre Villas-Boas, Marco Silva ou Leonardo Jardim estivessem livres (que não estão), era só escolher. Demitia imediatamente o actual treinador e contratava qualquer um destes 3 nomes. Acima de tudo porque actualmente o que o Porto tem em Lopetegui é um treinador que quando muito, será mediano. É para mim desesperante enquanto adepto ver o Porto a jogar e a previsibilidade com que actua em campo. O jogo com o Braga foi para mim a gota final. RUA. Sinceramente, o que mais desejo no proximo encontro (embora saiba que tal não será possível) seria ver 2 tarjas gigantes – uma em cada claque – a dizer: LOPETEGUI RUA. Talvez aí, o Sr. Lopetegui ganhasse vergonha. Este é o meu estado de espírito. Completamente descrente e cada vez mais pasmado com a calmaria que vai na SAD enquanto o Porto esbanja dinheiro e recursos às mãos do Nelo Vingada espanhol.

    Gostar

    1. Imbicto Pedro,

      Não deixando de concordar com partes daquilo que disse, não o considero mediano. Considero-o, sim, teimoso e demasiadamente disciplinador. Tudo isto porque já provou que foram estas duas características que borraram a pintura de alguém cuja falha aparece no pior momento, sempre devido às mesmas condicionantes.
      Por tudo isto, infelizmente, o meu apoio acabou, de forma incondicional, ontem.

      Obrigado pelo comentário!

      Imbicto abraço!

      Gostar

  3. Caro Imbicto

    Se quiser o meu conselho, assim como assim mais vale continuar com o treinador até ao fim (dos títulos passíveis de serem ganhos) e cair em cima dele no fim – se for caso disso.

    Eu que nunca gostei dele, estou resignado a apoiar até final da época ou dos títulos.

    Já que começamos a subir a montanha com este guia, mais vale irmos até ao topo com ele do que o atirarmos já para aqueles penhascos irresistíveis lá em baixo.

    Abraço portista

    Do Porto com Amor

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s