A razão pela qual não se deve comentar palha

Imbicto leitor,

Palha. Palha. Palha… Palha, palha; palha. Dasss… Palha e mais palha… Imagina os links que não coloquei em cada uma das palavras em prejuízo do meu IdQ.

Eu sei que estamos na silly season e tal, mas porra! É palha a mais. Sabendo de antemão que o número de ruminantes em Portugal é superior ao da média europeia, por m2, o cenário não poderia ser pior, a não ser o que difamar, ou meter-se na vida privada dos atletas. Oh wait! Aqui também fazem isso… com mais manha do que o correio…

Mas o que leva à escrita desta breve que lês é o que já esperas… Numa função que se vai aproximando do adequado, a Dragões Diário lá mandou a cacetada da praxe, desta vez bem pertinente:

“Vem isto a propósito de ter sido posto a circular nos últimos dias, sabe-se lá com que intenção, que o jogador Hernâni ia ser emprestado ao Vitória de Guimarães. Naturalmente, que o FC Porto não pode estar a perder tempo a desmentir todas as palermices que são escritas, mas é completamente falso que Hernâni vá ser emprestado e os adeptos que contactaram o Dragões Diário para averiguar da veracidade destas notícias podem estar tranquilos, porque vão continuar a desfrutar de Hernâni de azul e branco”, in Dragões Diário

Eu, que quase me deixei levar por uma coceira indignada ao ler a notícia que deu origem ao desmentido – sim, sou humano -, retive o impulso de alguém que não achava sentido em tal movimento de mercado, mesmo partindo de supostas contrapartidas por André André. E mesmo partindo, também, do pressuposto de que agora alguém daria razão a uma notícia que andou por aí a circular acerca de pancadaria selectiva e xenófoba.

Portanto, imbicto leitor, ou pouco imbicto cusco – que começas a comparecer neste espaço com a regularidade pouco aparente de quem vos corta o paleio insultuoso -, esquece a minha opinião sobre as r(a)magens de autocarros de ´jogadeiros´ tão características de paragens mais religiosas (tosse). Isto aqui não é imprensa, nem é nenhum altifalante utilizado na prospecção de mão-de-obra ´estadunidense´,  característica dos anos 20.

Espero, portanto, que este desmentido te tenha sabido tão bem quanto a mim. Isto por via das dúvidas, claro, porque há um São Tomé em cada um de nós…

Afinal, a Bluegosfera que rejeita comentar o pedaço de celulose higiénica impressa ou pixelizada, está certa.

Imbicto abraço

Anúncios

2 thoughts on “A razão pela qual não se deve comentar palha

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s